Duelo no laboratório de testes: rolamentos de esferas de plástico competem com rolamentos metálicos no teste de água salgada

Navegação de artigos

O vencedor do teste, o rolamento xiros, é até 60% mais leve e 40% mais econômico que a versão metálica

Em Colônia, na Alemanha a empresa igus opera o maior laboratório de testes para plásticos em aplicações com movimentação. Mais de 12.000 testes tribológicos são conduzidos a cada ano na empresa especialista em motion plastics. Tratam-se, entre outros, de testes que investigam o uso de uma ampla variedade de materiais nos ambientes mais diversos e diferentes tipos de aplicações. Desta vez: rolamentos de esferas com flange xiros e rolamentos metálicos foram testados em água salgada. O uso de triboplásticos livres de lubrificação e de manutenção fez com que o rolamento xiros nos convencesse completamente durante a experiência.

Os engenheiros do laboratório de testes da igus encheram um container com água salgada do mar e a aqueceram até +80 graus Celsius. Depois, inseriram dois rolamentos durante 120 horas: um rolamento clássico com flange e dois furos feito de metal e um rolamento com flange xiros feito de xirodur B180, um plástico de alto desempenho que foi otimizado pela igus durante anos em termos de resistência ao desgaste e a meios. Ambos os rolamentos não estavam completamente cobertos no teste, e sim expostos ao ar, de forma a provocar o efeito de corrosão.

Rolamento com flange de dois furos feito de metal e rolamento com flange xiros feito de xirodur B180 depois do teste em água salina no laboratório de testes. O rolamento xiros resistente ao desgaste com uma vida útil que pode ser calculada online não apresenta nenhum sinal de corrosão ou descoloração.

 O rolamento feito de metal começa a corroer depois de algumas horas

No final, o resultado do teste foi bem claro. Depois de apenas poucas horas, o rolamento de metal começou a corroer. No fim do teste, haviam vestígios visíveis de ferrugem em todos os componentes do rolamento. Ao contrário do rolamento de plástico. O rolamento de esferas com flange xiros continuava inabalável, mesmo quando sujeito à água salina agressiva e altas temperaturas durante 120 horas. Não houve alteração na cor e nenhum vestígio de ferrugem. Uma vantagem evidente, especialmente em aplicações em salas limpas e para o uso na tecnologia alimentar e médica, onde ferrugem representa um risco de higiene. Os rolamentos de esferas xiros geralmente consistem de quatro componentes: os anéis interior e exterior, assim como as gaiolas feitas de plástico e as esferas feitas de aço inoxidável ou vidro. Diferentemente dos rolamentos metálicos, os rolamentos de polímero resistentes ao desgaste oferecem um funcionamento seco muito suave e higiênico sem nenhuma gota de lubrificante e são livres de manutenção. Sua vida útil longa pode ser facilmente calculada online. Além disso, os rolamentos de plástico são isolantes elétricos, resistentes a temperaturas de -40 a +80 graus Celsius, não magnéticos e 60 por cento mais leves e até 40 por cento mais econômicos que rolamentos metálicos comparáveis. Adequados para absorver cargas médias e, devido à sua confiabilidade, são, há muitos anos, a preferência de clientes no mundo inteiro, por exemplo, para o uso em correias transportadoras, na etiquetagem, em máquinas de manuseio e embalagem, assim como em máquinas de enchimento.

Veja o vídeo e saiba mais sobre o laboratório de rolamentos xiros da igus, na Alemanha.