De Wyoming para o Monte Rushmore – Dakota do Sul.

Navegação de artigos

Dirigimos de Denver – Colorado até Dakota do Sul (Mount Rushmore), e demoramos cerca de 6 horas. Na viagem, passamos pelo estado de Wyoming e vimos animais que ainda não tínhamos encontrado pela turnê. Wyoming é exatamente o que nós esperávamos: hectares e hectares de terra plana com pouquíssima população. Parecia que tínhamos voltado para Yukon (Canadá) aonde encontrávamos mais com animais do que pessoas no dia a dia. Mas, desta vez, em vez de pinheiros, montanhas e ursos nós encontramos apenas terra plana, fazendas e vacas.

As paisagens de Wyoming.

Campos de Girassóis.

Há muitas semelhanças entre esses trechos da estrada com as buchas iglidur®. À primeira vista, não há nada em especial: trechos de terra com ninguém por perto por vários quilômetros. Assim como nossas buchas, a primeira vista são apenas leves, pequenas e em polímero. Mas quando prestamos mais a atenção, a estrada se transforma em uma linda paisagem. O mesmo acontece com nossas buchas, que são inovadoras na tecnologia de buchas em polímero. Além de serem leves e com reforço de fibras, as buchas iglidur® obtêm partículas microscópicas de lubrificante sólido. Isso significa que não é necessário adicionar graxa ou qualquer tipo de lubrificantes em nossas buchas.

Quando chegamos ao estado de Dakota do Sul, passamos por Hill City. Hill City é uma pequena cidade com uma população de 950 habitantes.  A cidade lembra um filme de velho oeste, pois a fachada dos restaurantes e as portas são iguais aos filmes clássicos de velho oeste. Todas as lojinhas são a extremamente antigas e a todo o momento nas estradas é possível encontrar animais esculpidos em madeiras.

Hill City.

“Jaw Breakers”, um doce tradicional americano.

Hamburger americano, servido nos famosos “Saloons” inspirados no velho oeste.

Logo após Hill City chegamos ao Monte Rushmore, um dos pontos turísticos mais famosos dos Estados Unidos. Neste monte é possível ver os rostos esculpidos dos presidentes (da esquerda para direita) George Washington, Thomas Jefferson, Theodore Roosevelt e Abraham Lincoln. Os autores que esculpiram o Monte foram Danish-American Gutzon Borglum e seu filho Lincoln Borglum. Já o criador da ideia foi Doane Robinson, como historiador de Dakota do Sul, ele escolheu este local para promover o turismo na região.

Inicialmente, Robinson pensou em colocar quatro heróis na montanha, como: “Lewis and Clark” ou “Buffalo Bill Cody” e “Red Cloud”. Mas Borglum achou que a escultura deveria ter mais foco em algo mais patriota. O projeto demorou 14 anos e foi finalizado em 1941, com 400 pessoas trabalhando continuamente. Os presidentes foram escolhidos por causa de seu papel na preservação da República e expandir seu território.

Cerca de três milhões de pessoas veem até Dakota do Sul para ver a grande escultura. Como americana, ver a montanha esculpida foi um pouco decepcionante. Estamos acostumados a ver esta imagem em livros e cartazes sempre de uma mesma forma. O que não acontece quando vemos de verdade. Até mesmo pelo difícil acesso a montanha.

A próxima parada em Dakota do Sul foi a Sioux Falls, demoramos cerca de seis horas de viagem também. Durante a viagem, fizemos algumas paradas. Em uma delas visitamos a “1880 Town”. Para quem já assistiu ao premiado filme “Dança com Lobos”, estrelado por Kevin Costner, este foi o local aonde o filme foi filmado.

O carro iglidur® ao lado de um carro antigo.

Sioux Falls também é conhecida como “O coração da América”. É a maior cidade do estado e sua população em 2013 era de 165.000 habitantes. Conhecemos a cidade rapidamente, tivemos uma rápida refeição e voltamos para a estrada.

Estamos agora indo para Minneapolis!

Mantenho vocês informados,

Kayla.